"Eu considero Guaraqueçaba um pequeno mundo dentro do mundo"
- Padre Mário Di Maria - (12/07/1974 - entrevista ao Jornal Diário do Paraná)

1 de abril de 2016

Arthur Wischral em Serra Negra e Guaraqueçaba


Há algum tempo atrás este blog publicou sobre a Colônia Agrícola Alemã de Serra Negra http://informativo-nossopixirum.blogspot.com.br/2015/11/colonia-agricola-alema-de-serra-negra.html em Guaraqueçaba... De lá pra cá, algumas conversas com familiares de colonos, programas de rádio Nossa História (E-PR) e visitas a Fundação Cultural de Curitiba, dona do acervo fotográfico retratando a colônia, bem como Guaraqueçaba...

Buscando através de ofício a parceria com a Secretaria Municipal de Cultura e Turismo, este historiador faz solicitação junto à Fundação Cultural de Curitiba, através da sua Casa da Memória e Divisão do Patrimônio Histórico, Artístico e Cultural, SOLICITANDO cópias do material fotográfico para compor acervo da Secretaria Municipal de Turismo e Cultura de Guaraqueçaba, bem como da Biblioteca Virtual Eugeniano Ferreira, no blog Nosso Pixirum, o qual gentilmente atendido pela Fundação Cultural de Curitiba.
Arthur Wischral, fotógrafo que em 1927 visita a Colônia alemã de Serra Negra, juntamente com o engenheiro Hugo Hegenberg, de 16 a 21 de junho, conforme Meijer (2015 - Carta 159 Tratando dos imigrantes) "o relato da visita e Arthur tirou na colônia magníficas fotografias, das quais 26 foram incluídas no relatório".
Desta visita, seguem algumas imagens presentes no acervo da Casa da Memória - Fundação Cultural de Curitiba, agora também da Secretaria Municipal de Cultura e Biblioteca Virtual Nosso Pixirum.

Rio Serra Negra

Guarakessaba

Rio Guaraqueçaba

*******

Veja demais imagens na Biblioteca Virtual Eugeniano Fereira < https://drive.google.com/drive/folders/0B3Ue7WCPmb5GSWFhWnZBTExTVVE >.

*******

        Quem sabe um dia possamos aprender a valorizar melhor nossa história, podendo preservá-la, resguardá-la em espaço adequado, criando quiçá, um museu... Utopia? Não! Já existe até proposta rabiscada nesse sentido, o que não existe, ao que parece, é vontade, pois dinheiro acho que sim também, haja visto exorbitantes cifras queimadas [literalmente] recentemente... Guaraqueçaba 471 anos de história, carecendo urgentemente contar sua própria história!
        Segue a ideia do projeto da criação e implantação do Museu de Guaraqueçaba entregue a gestão pública em 2014/15.

*******

        MEIJER, André. Carta 159  - Tratando dos imigrantes. <http://correiodolitoral.com/wp-content/uploads/2015/06/Carta159-imigrantes.pdf>.

Um pouco mais sobre os manuscritos de Wischral <http://paulodafigaro.blogspot.com.br/2014/07/fotos-originais-de-arthur-wischral.html>.

Um pouco mais da obra de Wischral <http://www.gazetadopovo.com.br/caderno-g/a-historia-de-curitiba-nas-imagens-de-arthur-wischral-3v9lh61vjlcxnxhkntzotkxfy>.

*******

Obs: as imagens originais de Arthur Wischral pertencem ao acervo da Fundação Cultural de Curitiba, portanto aqui disponibilizadas sob baixa resolução, preservando-se, assim, os direitos autorais e evitando seu uso sem a devida autorização.

9 comentários:

  1. Que beleza de resultado você conseguiu.
    Fico imensamente feliz que vocês conseguiram esse material de importância histórica sem precedentes para a região.
    As fotos de Arthur Wischral são realmente um tesouro que merece ser preservado, assim como toda a história não escrita sobre essa região, esquecida pelo tempo.
    Agradeço pela oportunidade de participar,pelo menos com uma pequena contribuição à história dessa rica região do nosso litoral.
    Parabéns pela iniciativa e continue a tua luta pela criação do Museu de Guaraqueçaba.
    Um abraço.

    ResponderExcluir
  2. Fiquei encantada com essas imagens, regata-las é traze-las a vida novamente. Uma história que é lembrada, fortalece e cria raízes em seu povo. Estou torcendo pelo Museu. Precisamos e merecemos tê-lo. Parabéns pelo blog!!!

    ResponderExcluir
  3. Parabéns pelo importante resgate.
    Abraços
    Miguel von Behr

    ResponderExcluir
  4. Muito bom!
    A histórica Guaraqueçaba há muito precisava de um Museu!
    Contem com nosso apoio, sempre !

    Zélia Maria Nascimento Sell.
    www.zeliasell.com

    ResponderExcluir
  5. Há uns cinco anos atrás levei minha tia em um museu que tinha ao lado do mercadão em frente ao mar. Ele fechou? Achei super interessante, havia muitas informações úteis sobre a região. Deveriam mesmo reativá-lo pois uma cidade sem museu é uma cidade sem história.

    ResponderExcluir
  6. Olá. Este a que se refere cara leitora, é um acervo resultante do Centro de Visitantes, há muito montado pelo antigo IBAMA/ICMBio (hoje), mas infelizmente 'abandonado' pelas administrações a quem compete a reforma do espaço, uma vez que se encontra interditado, assim impossibilita sua sua reativação; Não se trata de um Museu, mas sim, possui algum acervo, pouco do que sobrou quando fora montado há muitos anos... Existem conversas e acordos acerca da resolução de seus problemas... Tbm fico no aguardo e torcendo... Será?

    ResponderExcluir
  7. Boa noite, estou a cerca de 2 anos montando minha árvore genealogia, e tentei acesso a igreja e cartório da cidade, porem, nao existe números disponíveis, eu nao moro no Brasil, meus bisavós paterno ( pais do meu avo) sao de Guaraquecaba, e seus pais, e avós..e gostaria de saber se o senhor saberia dizer- me se alguém poderia me ajudar( posso pagar caso seja necessário), atenciosamente,

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá camarada... Olha temos indicado em casos como o seu o Arquivo Público do Paraná, onde há uma Seção sobre imigrantes... se tiver mais informações acerca de datas, etc, talvez ajude por aqui... Seu sobrenome é de qual nacionalidade... os livros da Paróquia estão em Paranaguá, na Diocese e os do Cartório somente após final do século XIX, se não me engano... Há em SP tbm o Museu do Imigrante com informações sobre imigrantes... Parece-me que seu caso não é exclusivo de imigração e sim de nomes? Isso? ajuda se tiver o nome dos seus pais, etc... ()..

      Excluir
    2. Estou vendo....STTETLER? Isso, da Colônia Alemã em Serra Negra??? Caso sim, há algumas pessoas que pesquisam a Colônia, o Dittmar e o André Meijer... Possuo uma cópia de manuscrito sobre a Colônia, bem como um livro em alemão sobre, porém não sei precisar se há referência a esta família, exceto o texto da postagem que está no link acima deste post, que menciona a Familia STTETLER.

      Excluir

POR FAVOR, ANTES DE COMENTAR LEIA ABAIXO A LÓGICA SIMPLES PARA COMENTÁRIOS... Obrigado por nos visitar, ler, comentar e divulgar - seu novo desafio é se propor a postar - entre em contato...