"Eu considero Guaraqueçaba um pequeno mundo dentro do mundo"
- Padre Mário Di Maria - (12/07/1974 - entrevista ao Jornal Diário do Paraná)

3 de novembro de 2011

Rancho Caiçara - em Guaraqueçaba VISITE


        Ha algum tempo atrás, postei uma matéria sobre a situação da Casa do Fandango de Guaraqueçaba, que encerrou suas atividades, depois de 11 anos.
       
        Este espaço, cedido aos Fâmulos de Bonifrates há quase 10 anos serviu como base de vários trabalhos culturais, entre eles, abrigando a Associação dos Fandangueiros de Guaraqueçaba, transformado em Ponto de Cultura.
        Pois bem, tal reportagem, foi publicada num jornal (impresso) e alguns tem me procurado, todos lamentamos FECHAR um espaço dedicado a nossa cultura.
        Nos últimos anos, apenas os integrantes do Grupo Fâmulos de Bonifrates tem se preocupado, cuidado e de certa forma mantido aquele lugar. E olha que estão todos morando em Curitiba (só restou eu por aqui), além dos jovens do Grupo Fandanguará que eventualmente utilizam o espaço.

        Bem, como não há condições de receber visitantes, inicio, com meu pai, um antigo desejo, que ainda vai demorar para ficar do jeito que desejamos.

RANCHO CAIÇARA

        Tão bonita é a teoria da associação, cooperativa, mas no nosso caso não funcionou (acredito), o que valeu e vale até hoje é o vínculo de amizade de alguns, que se esforçam, se doam para fazer fandango, brincar, estar entre amigos.

        Pela importância de nosso trabalho, pela história que construimos, foi criado no meu terreno o "Rancho Caiçara" - que guarda meu acervo particular, a memória do Fâmulos de Bonifrates e Fandanguará e "rancho" mesmo, pois ainda abriga as redes e os remos de papai, todos os dias utilizados.

        É pequeno, mas já pode receber os visitantes (que merecerem) conhecer um pouco de nossa cultura. Exposição de instrumentos, tomar uma cataia ou uma Mãe C'a filha, ver os livros de fandango, de Garaqueçaba, os Cds, os DVDs, sei lá. Um espaço que eu e papai - planejamos e com a ajuda de irmãos e amigos - levantamos.




vista da jenela

folhas de cataia
*


Cataia
*
moldes para construção de Rabeca e Cavaquinho
resultante de oficina ministrada por Anísio Pereira em 2001.
*
Redes de papai, o velho pilão ainda usado para socar café, enxadas, etc...
*
Bandola
confeccionada por Anísio Pereira a aprtir de porungo doado por Sr. Ari Krueger (In Memoriam).

*******
        Ainda é parte disso um rancho com fogo de chão, uma casa de farinha, uma capela, além de um lugar para o tablado do fandango caiçara.

AGUARDEM
nesta mesma postagem (futuramente) fotos da inauguração do Rancho, com um fandango.

VISITAS AGENDADAS
(41) 84 16 32 65 - com Zé Muniz.

8 comentários:

  1. Zé, lamento pelo fechamento da Casa do Fandango, e parabéns pelo Rancho Caiçara. Mudança gera novos desafios.
    Espero em breve fazer uma visita para tomar uma cataia.Abs
    Shigueo

    ResponderExcluir
  2. Parabéns pela iniciativa Zé! Ânimo e coragem para seguir em frente!

    Juliane

    ResponderExcluir
  3. Parabéns Zé, pela iniciativa, pel qualidade do que vc faz e pela perseverança. Abs. Cecil.

    ResponderExcluir
  4. Zé, que idéia estupenda. Me avise quando da inauguração. Irei sem falta. E aqui em Morretes estamos para criar uma Associação cultural a qual vai englobar o fandango, danças folclóricas aqui de Morretes, oficinas, etc... Porque se não fizer isso, não é o poder público que vai ajudar. Abraço e me avisa sobre a inauguração.

    ResponderExcluir
  5. Zé Muniz,
    Gostaria de saber mais informações sobre o rancho, para divulgar no blog da APA de Guaraqueçaba.
    Por favor, entre em contato ou passe no escritório do ICMBio um dia desses.
    Atenciosamente, Ana.

    ResponderExcluir
  6. boa tarde Sr. Muniz, estarei a passeio em Guaraqueçabacom minha família no início de Abril, gostaria muito de participar do fandango, haverá algum próximo a 13/04/2012?obrigada Andréa

    ResponderExcluir
  7. olha Andréa ontem (27/03) estava com o Secretário de Cultura, ele me falava da possibilidade de promover um baile de Fandango em Guaraqueçaba, talvés no dia 21 de abril (feriado)- ainda não confirmado. ok. Caso venha, esperamos que tenha uma boa viagem e aproveite sua estada por aqui. muita pazzzzz.
    Zé Muniz

    ResponderExcluir
  8. Parabéns pela iniciativa.... sou professora de geografia em Curitiba e em janeiro voucom minha família pela primeira vez até Guaraqueçaba e entre os passeios que faremos quero incluir o rancho caiçara e tudo mais que você puder nos sugerir.... queremos conhecer esse lugar historicamente, culturalmente e geograficamente....

    ResponderExcluir

POR FAVOR, ANTES DE COMENTAR LEIA ABAIXO A LÓGICA SIMPLES PARA COMENTÁRIOS... Obrigado por nos visitar, ler, comentar e divulgar - seu novo desafio é se propor a postar - entre em contato...